Saiba agora como elaborar uma estratégia de crescimento eficiente

estratégia de crescimento
7 minutos para ler

Empreender uma atividade no nosso país exige atenção e paciência. De fato, os empresários que desejam investir em um determinado ramo costumam enfrentar diversos obstáculos, principalmente nas fases iniciais até que ocorra a devida consolidação do negócio — alta carga tributária, baixo número de vendas, concorrência acirrada etc.

Diante desse cenário preocupante, torna-se essencial implementar uma estratégia de crescimento bem definida para a sua empresa. Quer saber como colocar esse planejamento de gestão em prática?

Neste post, vamos orientá-lo sobre o que deve ser feito para definir um crescimento estratégico para a sua empresa!

Por que é importante planejar uma estratégia de crescimento para a empresa?

Antes de tudo, o planejamento consiste em um guia que vai oferecer uma visão geral sobre o negócio e poderá nortear todas as futuras operações dentro da empresa. Essa estratégia auxiliará todo o processo de gestão e vai direcionar os gestores sobre o que devem fazer para atingir os objetivos desejados.

Por meio dele, a empresa estabelece quais são os seus valores, missão e objetivos — quer saber como a sua empresa pode conquistar mais vendas, lucro e obter clientes fiéis? Confira as nossas dicas neste e-book! —

Conheça as principais vantagens de elaborar uma estratégia de crescimento para as empresas:

  • permite conhecer os pontos fortes e fracos do negócio;
  • deixa a comunicação interna mais forte;
  • ajuda na definição de metas mais realistas;
  • alinha os objetivos da empresa em todos os setores;
  • possibilita elaborar um orçamento financeiro promissor;
  • aumenta a competitividade das empresas no mercado.

Como planejar o crescimento da empresa no cenário mercadológico atual?

O planejamento estratégico serve para definir ações de como será feito o crescimento da empresa. Para isso, o gestor deve observar alguns elementos. Continue a leitura!

Observe o mercado

Antes de começar a planejar as estratégias, é necessário observar como anda o mercado — o comportamento dos consumidores, a procura por mercadorias, o índice de insatisfação, as objeções etc. Desse modo, torna-se possível estabelecer um padrão de compra.

Afinal, todas as decisões que são tomadas e colocadas em prática devem permanecer alinhadas com a movimentação externa. Nesse sentido, nada melhor do que fazer uma pesquisa de mercado para avaliar os desafios.

Além disso, essa atitude ajuda a conhecer melhor o mercado e criar um benchmarking — instrumento que possibilita estudar e comparar os produtos, serviços e ações empresariais das empresas concorrentes, bem como os resultados obtidos. Assim, torna-se mais fácil aprender com elas e extrair novas ideias para o seu negócio.

Defina as próximas metas a serem alcançadas

Não custa nada mencionar que você deve determinar objetivos realistas e que são passíveis de serem conquistados a curto, médio e longo prazo — ter como alvo o crescimento de 20% sobre o faturamento em até 6 meses, exemplo. Não estipule metas impossíveis de serem cumpridas. Essa atitude vai trazer desmotivação para você e sua equipe.

Deseja auxílio nessa etapa? Você pode fazer uso de metodologias de criação e gerenciamento de metas como a SMART ou OKR, por exemplo, como forma de ter uma visão mais ampla sobre o negócio e potencializar a sua gestão.

Observe o lado financeiro da empresa

O planejamento da expansão dos negócios de uma empresa está diretamente ligado com o seu orçamento. Afinal, como investir em práticas de gestão se o empreendimento não tiver dinheiro para colocar os planos em prática?

De fato, é necessária a realização de investimentos e ajustes a fim de intensificar os resultados positivos. Portanto, avalie as suas finanças. As metas estipuladas devem estar alinhadas e dentro da estimativa de gastos da empresa.

Para isso, estude o fluxo de caixa, o DRE (Demonstrativo de Resultados da Empresa) e demais informações contábeis que servirão de referência para que a sua empresa consiga colocar em prática os objetivos pretendidos.

Identifique o potencial de crescimento da empresa

Identifique os pontos positivos e negativos e as limitações da empresa. Nessa fase, você pode se beneficiar de ferramentas que ajudam a conhecer as vulnerabilidades e auxiliam a análise da gestão de empresas, como a matriz SWOT — trata-se de uma ferramenta base que identifica elementos essenciais de um negócio, como: forças, fraquezas, ameaças e oportunidades. Assim, fica mais fácil ter uma ideia da capacidade de crescimento da empresa para os próximos períodos, não é mesmo?

Como identificar os desafios a serem superados?

Apesar de vários avanços no segmento das Pequenas e Médias Empresas, esses negócios ainda enfrentam desafios que impedem ou dificultam o pleno crescimento — se você quer saber como fazer a sua empresa crescer não deixe de ler este e-book!

Por enquanto, confira os principais obstáculos que ainda precisam ser superados pelas PMEs.

Experiência da equipe

Uma equipe qualificada é o catão de visitas da sua empresa. De fato, funcionários bem treinados causam impactos diretos para o sucesso dos negócios. Por isso, invista em treinamento e cursos de capacitação. Trata-se de uma maneira de reter talentos e uma estratégia eficiente para que seus colaboradores possam desenvolver as habilidades necessárias para lidar com o público — postura adequada, diálogo persuasivo, motivação, entre outras.

Muita burocracia

A grande burocracia no país ainda é um entrave para o pequeno e médio empreendedor. A quantidade de documentos, processos e atos exigidos acaba desmotivando o empresário e prejudicando a abertura e até mesmo o fechamento das empresas.

Alta carga tributária

A carga tributária no país é uma das maiores de todo o mundo — em 2019 ela bateu o recorde de 35,07 % sobre o PIB! Diante desse cenário, é extremamente difícil empreender no Brasil. Isso sem falar nas mudanças que surgem todos os anos — novas normas e exigências. Nesse sentido, é importante contar com o auxílio de um contador que vai auxiliar a empresa em todos os trâmites financeiros e contábeis.

Fidelização de clientes

Clientes fidelizados vão atuar em prol do seu negócio, indicando os seus serviços para amigos e conhecidos e sempre fazendo as compras no seu estabelecimento. Nesse sentido, trabalhe com foco na satisfação da clientela. Aliás, é muito mais vantajoso e econômico atrair a fidelização do consumidor do que investir em estratégias a fim de conquistar novos clientes.

Como você pode perceber, definir estratégias de crescimento é a melhor maneira de potencializar os resultados da sua empresa. Quando se trata de uma PME, essa situação se torna ainda mais desafiadora. Afinal, estamos falando de empresas que apresentam um baixo capital e poucos recursos, se comparada com empresas de médio e grande porte, por exemplo.

Ficou interessado em como colocar as estratégias em prática? Entre em contato com a Working Better e conheça as melhores soluções para o desenvolvimento do seu negócio!

Você também pode gostar

Deixe um comentário