7 filmes que nos ensinam como negociar com maestria!

Como negociar com maestria: 7 filmes que te ensinam isso
6 minutos para ler

Saber como negociar é uma habilidade necessária em qualquer atividade. Embora ela seja normalmente ligada à venda, o tempo todo somos submetidos às situações nas quais é preciso buscar equilíbrio entre interesses diversos e, muitas vezes, contrários.

Quando sabemos como negociar de modo a garantir que todas as partes envolvidas em um mesmo objetivo trabalhem contentes, motivadas e comprometidas, realizamos um pouco da essência do empreendedorismo e da atividade econômica: unir pessoas em torno de um propósito comum.

É por isso que alguns filmes são tão inspiradores e úteis para quem quer se desenvolver na prática da negociação. Eles contam histórias sobre grandes realizações e mostram como o diálogo é importante para conquistá-las. Então, vamos logo conhecer algumas delas. Confira!

1. O poderoso chefão

Nossa primeira sugestão é uma das mais clássicas franquias do cinema. Os três filmes da série estrearam desde a década de 70 até a de 90, têm ótimos atores, uma excelente direção e são cheios de dicas sobre o que fazer e não fazer em uma negociação.

A necessidade de estabelecer uma relação de ganha-ganha está bastante presente em várias situações do filme, do mesmo modo que nas negociações de vendas B2B. Contudo, a lição mais importante é o problema do uso da força para conseguir o que quer.

As pessoas não são peças em um jogo de tabuleiro e não podem ser manipuladas com base no uso irrestrito e imoral do poder. Embora a maioria das pessoas concorde com isso, os filmes demonstram que é muito mais produtivo estimulá-las, a fim de corresponderem ao desejado. Para isso, elas só precisam receber o que esperam.

2. De porta em porta

Esse filme mostra além da negociação. Conta a história verídica de Bill Porter, que precisou enfrentar a paralisia cerebral e, mesmo com essa deficiência, superou-se em várias oportunidades. Ele consegue um emprego de vendedor e trabalha de porta em porta. Os primeiros passos são difíceis, mas ele logo se mostra persistente e dedicado.

Depois de algum tempo no mercado, as centrais de telemarketing passam a fazer esse mesmo trabalho. Então, o vendedor percebe que sua profissão está se tornando obsoleta e resolve inovar, continuando a vender, mas agora, por meio de um e-commerce criado por ele.

Os momentos que evidenciam técnicas de negociação e vendas ocorrem o tempo todo. Um dos detalhes marcantes é que ele sempre faz ofertas personalizadas. Além de tudo, o filme é emocionante.

3. Coach Carter – Treino para a Vida

Outro filme excelente com dicas imperdíveis. Nele, o treinador de basquete Ken Carter transforma um time de uma escola de periferia, cheia de problemas, dificuldades e sem perspectiva, em um grupo de campeões. O ponto alto sobre negociação é a evidência da importância de uni-los  em torno de um propósito, no caso, o de se tornarem pessoas honradas, com um futuro e admiráveis.

4. Treze dias que abalaram o mundo

Essa película narra os acontecimentos envolvendo as negociações na crise dos mísseis em Cuba, gerada depois da instalação de médio alcance na ilha, por parte da antiga União Soviética. O episódio quase nos levou à Terceira Guerra Mundial, mas a situação foi revertida com muita negociação e preparo.

Esse parece o ponto alto do filme, pois as equipes de negociação nunca iniciavam uma conversa sem garantir que estavam preparadas. Esse é um fator determinante para os negócios e na gestão, mas nem sempre a importância do planejamento é observada pelas empresas.

Além disso, o filme revela detalhes sobre negociação diplomática e em uma situação extrema. Nesses casos, o grau de complexidade da formação de acordos é muito maior, pois retrata interesses coletivos, mas implica em expectativas particulares.

Assim, há o interesse do povo russo, do cubano e do americano, bem como o de vários outros países que poderiam ser impactados. Ao mesmo tempo, também há afeição política de cada um dos participantes da negociação, mas nem sempre responde aos mesmos valores.

5. Django Livre

O filme é cheio de aventura e mostra habilidades de negociação em grande parte do enredo. O roteiro gira em torno da tentativa de Django para libertar sua esposa de um mercador de lutadores negros e se passa na época em que a escravidão ainda era legal nos Estados Unidos.

A habilidade de usar a empatia para perceber o que move as pessoas e como convencê-las está presente em várias passagens. A película é muito ativa e certamente não vai deixar ninguém dormir.

6. A Lista de Schindler

Outra história real, impactante e comovente. Steven Spielberg conta passagens da vida de Oskar Schindler em um filme que marcou a carreira de Liam Nelson, intérprete do militar responsável por realizar diversos acordos para salvar judeus ameaçados pelo holocausto.

Durante a Segunda Guerra, Schindler resgatou quase 1.200 judeus da deportação para Auschwitz. Como era um ótimo negociador, ninguém imaginaria que ele usaria suas habilidades para salvar vidas, no lugar de usar sua posição no departamento de guerra em benefício próprio.

No entanto, ele interveio em nome deles por meio de subornos e com muita negociação. Alguns desses acertos geraram desconfianças das autoridades, mas mesmo após três prisões, a polícia nazista nunca conseguiu nenhuma prova contra ele.

7. Hotel Ruanda

Gerente do Hotel des Milles Colines, Paul Rusesabagina salvou a vida de mais de 1200 pessoas. Elas foram abrigadas no Hotel Colines por ocasião de um massacre ocorrido em 1994, responsável pelo assassinato de mais de 800 mil pessoas.

Para conseguir salvá-las, ele precisa negociar com as facções criminosas que controlavam a população e impunham violência. Em algumas dessas negociações, fica muito clara a importância de conhecer as pessoas para tratar com elas.  

Por fim, esperamos que, além de serem instrutivos sobre como negociar, os filmes listados também agradem suas preferências em relação à “Sétima Arte”. Assim, fica mais fácil assimilar o conteúdo de cada um. Talvez já tenha visto alguns deles, mas não necessariamente pensando nas negociações. Por isso, não hesite em assisti-los novamente, caso tenha vontade.

Antes disso, acesse nosso outro post sobre as 6 técnicas de negociação valiosas para o sucesso do seu negócio. Desse modo, pode procurar identificar as técnicas relacionadas no texto com as usadas nos filmes.

Você também pode gostar

Deixe um comentário